Le Magazine Accor Hotels
1 hora, 1 dia, 1 semana

Fuja do óbvio: conheça praias selvagens da Barra da Tijuca

Praias quase desertas, em uma das maiores cidades do Brasil!

Além de Copacabana, Leblon e Ipanema - praias que se tornaram pontos turísticos do Rio de Janeiro, a capital fluminense também reserva alguns refúgios naturais para quem quer ficar longe da badalação e curtir um passeio tranquilo. São quatro praias selvagens da Barra da Tijuca, que ficam no Parque Municipal de Grumari, Oeste do Rio, e só podem ser acessadas por trilhas ou barcos. Um verdadeiro espetáculo da natureza, que permanece intocado em uma das maiores cidades do Brasil. Então, que tal conhecer essas praias selvagens no Rio de Janeiro durante as suas férias? Saiba mais e programe-se!

Praia do Perigo é o novo point dos surfistas (Foto: Getty Images)
Praia do Perigo é o novo point dos surfistas (Foto: Getty Images)

Praia do Perigoso

O maior perigo dessa praia é você não querer ir embora, principalmente se gosta de surfar! A Praia do Perigoso é pequena e fica próxima a Barra de Guaratiba e o acesso até lá é feito por uma trilha de cerca de 1,5 km por dentro da mata. Considerada o point dos surfistas, que vão até lá em busca de ondas altas quebram mar adentro, chegando com menor intensidade à margem, a Praia também oferece areia dourada, águas transparentes e muita tranquilidade. Além disso, fica ao lado da Pedra da Tartaruga, onde são feitas atividades como rapel. Como a Praia do Perigoso fica dentro de uma reserva natural, não conta com restaurantes, quiosques ou banheiros. Ou seja ela é realmente selvagem e intocada para você celebrar, literalmente, o contato com a natureza.
A Praia do Meio tem águas limpas com tom azul (Foto: Getty Images)
A Praia do Meio tem águas limpas com tom azul (Foto: Getty Images)

Praia do Meio

A Praia do Meio é outro paraíso escondido na Barra da Guaratiba, que fica ao lado da Praia do Perigoso. Para chegar até lá são mais 45 minutos de caminhada por dentro da trilha. Na chegada, o visual é recompensador e as energias são renovadas pelas águas limpas e de tom azul escuro que banham as areias finas e claras da praia. Como ela também faz parte da área de proteção ambiental, você não vai encontrar nenhum tipo de infraestrutura por lá. É o passeio ideal para quem gosta de aventuras que levam a lugares paradisíacos!
A Praia Funda é ideal para aventureiros (Foto: Getty Images)
A Praia Funda é ideal para aventureiros (Foto: Getty Images)

Praia Funda

Logo depois da Praia do Meio, a trilha leva à Praia Funda, que tem uma larga faixa de areia dourada, com águas quase transparentes em tons de azul. A beleza do lugar é incontestável. As fortes correntes marítimas são um ponto de atenção na hora do banho de mar, para evitar risco de afogamento. Assim como as outras praias selvagens da Barra da Tijuca, a Praia Funda também é procurada por sufistas aventureiros.
A mais selvagem das praias da Barra da Tijuca (Foto: Getty Images)
A mais selvagem das praias da Barra da Tijuca (Foto: Getty Images)

Praia do Inferno

Apesar do nome, esse lugar é um verdadeiro paraíso! A pequena Praia do Inferno fica bem retirada e é de difícil acesso, que acontece por um a trilha de cerca de 2h. Mas todo o esforço é recompensado com doses extras de suspiros quando se chega à pequena faixa de areia da praia. Lá, o mar é bem agitado e, por isso, deve-se tomar cuidado ao entrar na água. E, atenção: as extremidades da Praia do Inferno são cercadas por pedras, quase não há sombra e nem infraestrutura. Talvez essa seja a mais selvagem de todas as praias da região, já que fica bem no meio do Parque Municipal de Grumari. Desta forma, fazer o passeio acompanhado por um guia da região é fundamental para garantir mais segurança e tranquilidade.

Você curtiu? Compartilhe!

Por aí

Mais ideias de viagens

Encontre seu destino perfeito

Com o Radar de Viagens

Descubra