Le Magazine Accor Hotels
1 hora, 1 dia, 1 semana

Gastronomia na Rota do Sol Poente, em Florianópolis

Conheça os sabores da Capital Catarinense

Que tal conhecer Florianópolis e de quebra provar ostras bem fresquinhas enquanto contempla o pôr do sol à beira-mar? Cruas, gratinadas, ao bafo ou ao limão, a iguaria é um dos atrativos para quem quer visitar a rota gastronômica da capital catarinense.

Ostras ao limão (Fotos: Getty Images)
Ostras ao limão (Fotos: Getty Images)

Por dentro da Capital Nacional da Ostra

A Rota Turística e Gastronômica do Sol Poente é uma deliciosa oportunidade para curtir toda a tranquilidade que você merece. Com lugares encantadores e perfeitos para viver novas experiências, a região contempla restaurantes do Noroeste da Ilha da Magia. O trajeto passa pelos bucólicos distritos de colonização portuguesa: Cacupé, Santo Antônio de Lisboa e Sambaqui. A capital catarinense é a maior produtora de ostras do Brasil, respondendo por 70% da produção do país e, por isso, é considerada a Capital Nacional da Ostra.
Ponte Hercílio Luz à noite
Ponte Hercílio Luz à noite

Primeira parada: Cacupé

Para começar a viagem, pegue a rota de acesso SC-401 com sentido a Cacupé. Partindo do terminal de ônibus do bairro Trindade são aproximadamente 12 minutos de carro, percorrendo uma distância de 13km. Pouco explorado pelos turistas, o Cacupé oferece toda a tranquilidade das águas do canal da Baía Norte de Florianópolis, com vista para a famosa ponte Hercílio Luz. Os moradores nativos do distrito vivem da pesca artesanal e do cultivo de ostras. Para entrar no clima da região, visite o restaurante do simpático Zé do Cacupé. Uma oportunidade de experimentar um cardápio de ostras caprichado, em um ambiente familiar. Basta escolher entre natural, ao bafo ou gratinadas, e a surpresa chega fresquinha à sua mesa. Para completar, delicie-se com um filé de linguado grelhado com alcaparras!
Deck do restaurante Bate Ponto
Deck do restaurante Bate Ponto

Segunda parada: Santo Antônio de Lisboa

Seguindo à beira-mar é a vez de conhecer de perto a beleza da arquitetura açoriana tradicional. Na direção Noroeste, passe pelo Caminho dos Açores. Pelo trajeto observe os costumes herdados pelos colonizadores portugueses e a calmaria das pequenas vilas do século 19. De frente para um mar calmo, Santo Antônio de Lisboa é um convite à boa gastronomia baseada em seus frutos, especialmente às ostras cultivadas pelos moradores. Chegando à Rodovia Gilson da Costa Xavier, número 125, pare no Bate Ponto, que está entre os preferidos das celebridades. O restaurante  é especializado em frutos do mar e está localizado em um ambiente à beira da praia, com área interna e um charmoso deck em cima da areia. Pense num lugar perfeito para assistir um lindo pôr do sol, por trás dos barcos que parecem descansar no oceano. Que tal aproveitar essa atmosfera experimentando de uma porção de ostras - ao Natural, ao Bafo, ao Limão Siciliano ou Gratinadas a 4 queijos - enquanto sente a brisa marítima? Bom apetite!
Ponta do Sambaqui
Ponta do Sambaqui

Terceira e última parada: Sambaqui

Continuando a Rota Turística e Gastronômica do Sol Poente,  a próxima parada é no Sambaqui. Um bairro simples, com ruas pavimentadas, sem prédios e com um ar tranquilo de vila de pescadores. A beleza natural do lugar encanta por suas belas paisagens e a rota gastronômica da região fica ainda mais atrativa em meio as várias opções de bares e restaurantes que podem ser encontrados por ali. Para provar petiscos com ostras e mariscos cultivados na região, vá até o restaurante e petiscaria Delícias do Mar. Experimente o Coquile ou, então, peça o prato A Delícia de Ostra: um purê com ostras, coberto com molho branco e gratinado com queijo parmesão. Vai dar água na boca! Para completar o passeio, visite a ponta do Sambaqui, o lugar mais famoso do distrito. 

Você curtiu? Compartilhe!

Por aí

Mais ideias de viagens

Encontre seu destino perfeito

Com o Radar de Viagens

Descubra